Ser professor - um novo desafio

A era digital e a sociedade em rede são a atualidade, são um facto consumado e são transversais a todos os setores da sociedade. Na educação, quer haja um maior ou menor atrito ou resistência por parte dos seus responsáveis, esta nova realidade está e irá, cada vez mais, impor-se e alterar os paradigmas instituídos.

Uma das grandes mudanças de paradigma que as novas Tecnologias de Informação e Comunicação estão a sujeitar os professores relaciona-se com o facto de estes deixarem de ser os atores principais do processo, deixarem de ser os detentores do conhecimento com a capacidade de o poder distribuir segundo a sua agenda. O conhecimento passou a ser democrático, passou a estar ao alcance de qualquer um. Os alunos deixaram de ter o papel passivo de esperar que o professor lhes leve o conhecimento até si para passarem a ser atores ativos na busca desse mesmo conhecimento, cabendo aos professores o papel fulcral de orientadores e facilitadores na espinhosa tarefa de encontrar e selecionar a informação pertinente dentro de aquilo a que Edgar Morim chamou de “nevoeiro informacional”.

Basicamente, toda a informação que qualquer aluno procure pode ser encontrada na internet. Mas se o mesmo aluno não for orientado no modo como deve fazer a sua pesquisa, rapidamente vai ficar soterrado com tanta informação, vai despender imenso tempo na seleção da mesma, vai sentir-se desorientado e vai desistir da sua pesquisa. É aqui que o papel do professor assume uma grande importância, deixará de ter a função de depositar o conhecimento nas mãos dos alunos para passar a ser o seu condutor pelo grande oceano da informação.

Este será o novo desafio dos professores, independentemente da sua idade e da sua vocação para as novas tecnologias, do seu maior ou menor gosto pessoal por “computadores”, de modo a conseguir cumprir a missão para que está destinado, o professor do século XXI terá de ser um especialista nas técnicas de busca e seleção de informação pertinente na rede.

Comentários

  • Antonio Silva há 1688 dias

    ecoimooc14,  A introdução das Novas Tecnologias em ambientes educacionais é uma realidade inquestionavel no cotidiano das escolas e de fundamental importancia, favorecendo as tecnicas de ensino, e fornecendo novos desafios para os professores.