plágio: uma linha tênue entre quem executa e quem orienta?

Olá  pessoal!

Vamos refletir? Educação  para a vida foi uma das frases  que acompanhou meu aprendizado  ao longo da vida. Nesse  processo, ainda continuado, deparei  com a omissão do dever de orientar, conduzir, reexaminar..., dos mais avançados e capazes, a priori. Neste contexto, fica a indagação acerca do plágio: uma linha tênue  entre quem executa  e quem orienta? Quem enfraquece ou fortalece o plágio? Quais medidas são mais eficientes para que não ocorra o plágio?

Comentários

  • GildaAquino há 1448 dias

    Oi Welington,

    Discussão dos direitos autorais também deve estar presente no meio acadêmico. O professor deve ter conhecimento dos direitos autorais para escrever o material que será disponibilizado nas aulas.

  • Mara Denize Mazzardo há 1448 dias

    Respondendo a questão "Quais medidas são mais eficientes para que não ocorra o plágio?"

    Temos que ensinar os alunos a pesquisar desde a Educação Básica, respeitando a autoria e valorizando a autoria dos alunos, orientando a pesquisa e discutindo sobre os resultados.