Aprender a Pesquisar

Instigar a curiosidade epistemológica dos estudantes e orientar as pesquisas fazem parte do fazer pedagógico dos professores. O ensino da pesquisa inicia na Educação Básica, com os alunos progressivamente incluindo nos seus trabalhos elementos da pesquisa como observação da autoria (que pode acontecer valorizando também a autoria dos alunos), pequisa em diversas fontes, elaboração de texto próprio, mas fundamentada em autores, representação dos conteúdos pesquisados em formatos diversificados (áudios, vídeos, textos ilustrados, gráficos, mapas conceituais, cronologia de fatos/acontecimentos). Ética e posicionamento crítico são outros temas para serem trabalhados com os alunos.

Sobre as fontes de pesquisa, principalmente as disponíveis na Internet, são conhecimentos necesários aos professores (competências digitais) e serão utilizadas no planejamento das atividades de pesquisa dos alunos, com tarefas que exijam dos alunos pesquisa, raciocínio, posicionamento sobre os conteúdos pesquisados), na indicação de fontes a serem consultadas, no acompanhamento da pesquisa, correção e discussão sobre os resultados. A complexidade será aumentada progressivamente até os alunos perceberem a diferença entre pesquisa e cópia ou plágio.