Plágio

 

  • #ecoimooc15,#ecoimooc15t1
  • “Plágio é a apropriação indevida da obra intelectual de outra pessoa, assumindo a autoria da mesma”. (Fonte: B-on).

    Talvez transpondo o supra mencionado para a luz do Direito, cheguemos à conclusão que se trata de um furto, ou de uma forma de “vigarizar”.

    Compete ao Professor, Formador, ou Moderador, incutir nos aprendentes/formandos a motivação necessária para a rejeição do plágio, fomentando nestes a criatividade, demonstrando através de estudos de caso, exemplos práticos e conhecidos do público, a parte negativa da fraude e a suas repercussões futuras.

    No reverso da medalha, encontramos a outra missão do Professor, Formador, ou Mediador, nesta perspetiva a deteção do plágio, depende do número de aprendentes e das tecnologias alcançáveis para análise do conteúdo a avaliar. 

Comentários

  • claudia_queiros há 1681 dias

    J#ecoimooc15, #ecoimooc15t1 José Coroa, é verdade o plágio é algo que não é ético fazer, daí que o professor deve ser o primeiro a informar quais os perigos que se incorre quando se recorre ao plágio e demonstrar que não é necesário plagiar para se conseguir um bom trabalho.