Escolas básicas e secundárias estão a ficar sem instrumentos tecnológicos utilizáveis.

No bliog do Arlindo, este refere que 

"com o passar do tempo as escolas irão ficar também sem o investimento nas tecnologias que foram feitos até hoje". E conta que "uma das salas onde dou apoio pedagógico o quadro interactivo já não funciona há bastante tempo porque avariou-se e não há peças para o reparar. E daqui a meia dúzia de anos tudo o que foi investido será para deitar ao lixo."

http://www.arlindovsky.net/2015/11/escolas-basicas-e-secundarias-ficam-sem-videovigilancia/