As tecnologias e o processo de educativo

Com o tempo as tecnologias foram-se modificando quer na sua forma quer no que respeita as suas potencialidades. Assim, hoje encontra-se uma infinidade de comunidades virtuais como sejam escolas, universidades, cursos que ligados à rede permitem que os estudantes disponham de “aulas colaborativas e interativas” permitindo uma “aprendizagem em rede” (Gomes, 2002, citado por Vasconcelos).

Com este avanço tecnológico surgiram grandes alterações no processo educativo que Garrisson (1985, citado por Vasconcelos) designou por “gerações da inovação tecnológica na educação à distância”, entre as quais se destacam quatro gerações que se denominam respetivamente por Ensino por correspondência; Tele-ensino; Multimédia e Aprendizagem em rede (e-learning).

Estes aspetos fazem com que os autores do processo de ensino e aprendizagem se devam atualizar no que respeita ao conhecimento e à aplicação das tecnologias.

Vasconcelos, A. C. (s.d). Competências digitais e recetividade da Formação em Elearning. Recuperado de https://www.academia.edu/7331862/Compet%C3%AAncias_digitais_e_recetividade_da_Forma%C3%A7%C3%A3o_em_E-learning