Artefacto Digital 2

#ecoimooc3, #ecoimooc3t3, #artefacto2

Introdução

O cenário de aprendizagem proposto neste Artefacto Digital tem vindo a ser implementado ao longo deste ano letivo com turmas de alunos do 7º ano do 3º ciclo do ensino básico no âmbito da disciplina de Tecnologias de Informação e da Comunicação (TIC).

As ferramentas digitais aqui propostas (fórum de discussão online, wiki e onenote class) são disponibilizadas a todos os alunos e professores da minha escola através das duas plataformas que utilizamos: NEOLMS (plataforma digital que tem três objetivos essenciais: potenciar a comunicação/interação aluno-aluno e aluno-professor; repositório de conteúdos das diferentes disciplinas; acompanhamento individualizado à aprendizagem dos alunos) e OFFICE365.

 

A) Conceitos/Noções

A aprendizagem colaborativa tem que ver com as atividades onde se trabalha em conjunto para atingir um determinado fim (criar algo com significado, explorar um tema). De acordo com Silva (2011), características essenciais da aprendizagem colaborativa são a participação e a interação dos alunos entre si e com os professores. A construção do conhecimento é uma tarefa ao cargo de todos. O processo de ensino-aprendizagem surge centrado no aluno, aparecendo o professor como mediador das interações do grupo e orientador na procura e partilha de informação. Aprender e pensar em conjunto pode ajudar a ir mais longe no que concerne à quantidade e qualidade das aprendizagens.

Segundo Carvalho (2008), atualmente, a utilização dos computadores e da internet têm facilitado o trabalho colaborativo. Destacam-se, neste âmbito, as diversas ferramentas da Web 2.0 que possibilitam e favorecem a criação colaborativa.

 

Como referi, neste artefacto proponho a utilização de três ferramentas digitais de trabalho colaborativo: fórum de discussão online, wiki e onenote class.

 

O fórum de discussão online é uma ferramenta de comunicação/discussão assíncrona sobre um determinado tema e com objetivos definidos. Trata-se de um instrumento muito útil e adequado ao pensamento reflexivo. Pela sua dinâmica, o fórum de discussão online é um bom método de construção social e colaborativa do conhecimento, proporcionando aprendizagens de qualidade (Oliveira & Morgado, 2012). É um recurso que possibilita a interação entre colegas e com o professor. As contribuições são arquivadas sequencialmente, possibilitando ver a continuidade do debate.

Pelas suas características, trata-se de uma ferramenta muito interessante para utilização no processo educativo, pois potencia a leitura, escrita, reflexão e trocas de ideias. (Souza & Matos, 2009).

 

As wikis são sites de informação abertos que permitem publicar e partilhar conteúdos de forma muito fácil. Crescem com os conteúdos que os seus utilizadores lá vão colocando. Segundo Carvalho (2008), uma das características desta ferramenta é a facilidade com que as páginas podem ser criadas e alteradas. Vão sendo elaboradas/atualizadas através da colaboração de diversos autores, sendo, por isso, um espaço privilegiado de aprendizagem colaborativa. Uma das suas características é permitir que qualquer pessoa possa editar os conteúdos, mesmo que lá tenham sido colocados por outros utilizadores/autores. Quando utilizada no processo educativo, torna-se uma ferramenta de grande potencial e interesse, visto que os alunos são, simultaneamente, leitores, editores e autores.

De acordo com Dias (2011), a utilização deste recurso permite aos alunos o desenvolvimento de um trabalho autónomo, cooperativo e colaborativo. Eles tornam-se mais responsáveis pelo seu percurso de aprendizagem e, ao mesmo tempo, mais independentes, na medida em que o professor já não é um mero (e único) transmissor de conhecimento, mas sobretudo um orientador.

Pela sua forma de funcionamento, os wikis estimulam a reflexão e a negociação entre alunos. As suas potencialidades educativas são a interação e colaboração dinâmica com os alunos; a possibilidade de troca de ideias; recriar ou fazer glossários e repositórios; ver todo o historial de modificações, permitindo ao professor avaliar a evolução registada; gerar estruturas de conhecimento partilhado e colaborativo que potencia a criação de comunidades de aprendizagem (Carvalho, 2008).

 

O Onenote Class é uma ferramenta disponibilizada pelo Office 365 a pensar na educação. Permite a partilha de apontamentos, realização de avaliações individuais, comentários sobre trabalhos, atribuição de tarefas específicas a alguns alunos apenas e a colaboração entre o grupo. Trata-se de uma solução muito interessante para a criação de «Diários de Disciplina» ou «Cadernos Diários (Digitais)».

Ao criar um Onenote Class, podemos partilhar informação com o grupo todo ou apenas com alguém do grupo, dando-lhes permissões de edição ou apenas de visualização.

Trata-se de uma ferramenta que nos permite configurar, de forma rápida e muito fácil, três aspaços diferentes num único ficheiro:

-Espaço de trabalho pessoal para cada aluno: é um espaço privado partilhado entre o professor e cada um dos alunos individualmente. O professor pode aceder ao espaço de qualquer aluno, mas estes apenas conseguem aceder à sua página e não ao espaço pessoal de cada colega.

-Biblioteca de conteúdos: é um espaço onde o professor partilha materiais com os alunos. Ele pode adicionar e editar conteúdos neste espaço, mas os alunos apenas têm permissão de visualização.

-Espaço de colaboração para o grupo: trata-se de um espaço onde todos (alunos e professor) podem partilhar materiais e colaborar.

 

B) Objetivos de Aprendizagem

Nas metas curriculares de TIC (Horta, Mendonça & Nascimento, 2012), apontam-se como objetivos da disciplina, entre outros, a promoção do sentido crítico dos alunos e o desenvolvimento da capacidade de pesquisar, tratar, produzir e comunicar informação através das tecnologias. Um dos domínios a ser trabalhado é «Comunicação e Colaboração». Neste âmbito, as metas curriculares apontam para o facto de ser importante os alunos encararem a utilização das aplicações informáticas não como um fim em si, mas como uma ferramenta facilitadora da comunicação e da colaboração rede. Neste sentido, sugere-se o desenvolvimento de projetos colaborativos, promovendo a participação em ambientes colaborativos na rede como estratégia de aprendizagem individual e como contributo para a aprendizagem dos outros, através da partilha de informação e conhecimento, usando plataformas de apoio ao ensino e aprendizagem. Sugere-se, ainda, a colaboração em equipas ou em projetos onde se produzem trabalhos originais sobre uma temática específica.

 

O tema de estudo da disciplina, escolhido para o âmbito deste trabalho, é «A informação, o conhecimento e o mundo das tecnologias», que tenho vindo a desenvolver através do uso das ferramentas colaborativas referidas neste artefacto.

Neste sentido, os objetivos de aprendizagem e as competências a desenvolver são:

-Reconhecer a importância e o papel das TIC na sociedade atual;

-Identificar áreas de aplicação das TIC no nosso quotidiano;

-Conhecer e compreender conceitos básicos relacionados com as TIC (tecnologia, informação, comunicação, informação digital, dados, sociedade da informação, telecomunicação, telemática, robótica, domótica, telemática, informática, CAD, CAM, vírus…);

-Pesquisar de informação na Internet, tendo em conta a temática proposta e os objetivos pretendidos;

-Analisar e avaliar a qualidade da informação recolhida e a sua pertinência no contexto do trabalho que está a ser realizado;

-Tratar, sistematizar e partilhar a informação recolhida;

-Rentabilizar as TIC nas tarefas de construção do conhecimento;

-Desenvolver a capacidade de utilizar as TIC em ambiente de trabalho colaborativo;

 

C) Ferramentas Tecnológicas Mobilizadas e sua Implementação

As ferramentas a utilizar serão:

-Fórum de Discussão Online (plataforma NEOLMS);

-Wiki (plataforma NEOLMS);

-Onenote Class (plataforma Office 365).

 

No âmbito da temática proposta, as ferramentas mobilizadas serão utilizadas pelos alunos em contexto de sala de aula e fora dela (sobretudo).

 

No que concerne ao Fórum de Discussão Online, é lançado um tema para ser discutido entre todos ao longo de 2 semanas (parece-me ser o período de tempo mais equilibrado para esta faixa etária). Os alunos devem participar, respondendo ao tópico lançado pelo professor, completando ou contradizendo ideias dos colegas, votando nas participações que acham ser melhores (heteroavaliação). No final das duas semanas, as participações no debate ficam apenas disponíveis para consulta, sendo pedido aos alunos uma síntese das participações do grupo (escolha de 5 ideias que devem ser ilustradas com imagens pesquisadas na internet).

A questão lançada no Fórum de Discussão Online foi a seguinte (texto e imagem conforme aparece na plataforma NEOLMS):

«AS TIC NO QUOTIDIANO

Muito recentemente, Lypovetski afirmou que, hoje em dia, já nada se faz, desde as tarefas mais simples às mais complicadas, sem que se utilize um computador. É um facto... As TIC estão presentes nas mais diversas atividades que o ser humano leva a cabo no seu quotidiano.


Comenta esta mensagem referindo áreas da atividade humana onde as TIC estão presentes.»

 

Relativamente à Wiki, o objetivo é os alunos pesquisarem, partilharem e compreenderem os conceitos fundamentais relacionados com as TIC. Neste sentido, o professor lança inicialmente uma lista de conceitos. Os alunos devem procurar informação sobre os mesmos, partilhando as suas descobertas, conhecimentos e aumentando a lista inicial proposta pelo professor. Podem ir editando todas as entradas dos colegas (o professor tem sempre acesso ao histórico da construção de cada conceito) até se chegar à definição «perfeita». Quando esta surgir, o professor bloqueia o conceito para que o mesmo possa ser consultado por todos, mas não alterado. Esta atividade decorre ao longo de todo o 1º período.


Mostro, de seguida, uma imagem da Wiki de uma das turmas.

O OneNote Class está ser utilizado como «Diário de Turma» e como «Caderno Diário» individual por cada aluno. Será usado ao longo de todo o ano.

Tem as três secções antes descritas:

-Espaço de trabalho pessoal para cada aluno: onde cada um organiza o seu caderno diário digital, coloca todas as tarefas de avaliação individual (se só as colocarem ali, é impossível copiar) e realiza a sua autoavaliação no final de cada tarefa proposta e de cada período do ano.

-Biblioteca de conteúdos: onde vou partilhando conteúdos com todos os alunos e dando indicações relativamente à resolução das tarefas da disciplina.

-Espaço de colaboração para o grupo: onde os alunos colocam os trabalhos que são feitos em grupo, dão sugestões de atividades que gostariam de realizar e partilham materiais, que descobriram ou contruíram, sobre as matérias que estão a ser estudadas.


Mostro, de seguida, uma imagem do OneNote Class de uma das turmas.

 

D) Argumentos justificativos de que a atividade implica aprendizagem colaborativa

De acordo com os conceitos estudados, discutidos e apresentados neste artefacto e ao longo das discussões no blog desta formação, as ferramentas apresentadas implicam, pela forma como a sua utilização é proposta, a aprendizagem colaborativa.

Em todos os instrumentos sugeridos é proposto aos alunos a partilha/discussão de conteúdos que pesquisam sobre as temáticas que estão a ser trabalhadas. Em todos, também, é potenciada a interação e colaboração dinâmica entre os alunos, gerando-se estruturas de conhecimento partilhado e colaborativo.

Na Wiki, os conteúdos vão aparecendo graças à participação de todos os que lançam, atualizam e editam as páginas criadas, sendo que qualquer utilizador autorizado o pode fazer (alunos inscritos na disciplina). Os alunos são, ao mesmo tempo, leitores e autores, tornando-se mais responsáveis pelo seu próprio percurso de aprendizagem e pelo dos colegas.

No Fórum de Discussão Online, a troca de ideias é uma constante, o debate e a construção conjunta o alimento vital da ferramenta.

No Onenote Class, a possibilidade de partilhar ou guardar apenas para mim o que achar mais conveniente.

Finalizando, de acordo com Dias & Oliveira (2012), os argumentos justificativos de que as ferramentas e as atividades propostas implicam aprendizagem colaborativa são:

-O recurso a estas ferramentas e estratégias tem vindo a proporcionar aos alunos o desenvolvimento de um trabalho bastante autónomo, apoiado em estratégias cooperativas e colaborativas, tornando-os mais responsáveis pelo seu percurso de aprendizagem.

-O professor não é apenas nem o único transmissor de conhecimento, sendo mais um guia e orientador do percurso de aprendizagem dos alunos. Estes pesquisam, partilham e constroem conhecimento.

-As interações que ocorrem durante o processo implicam o desenvolvimento de um processo de reflexão e de regulação das intervenções de cada um, promovendo o sentido crítico.

 

Bibliografia

-Carvalho, A. A. A. (2008). Manual de Ferramentas da Web 2.0 para Professores. Ministério da Educação. DGIDC.

-Dias, P. A. L. & Oliveira, I. (2012). Práticas de avaliação formativa em ambiente wiki. Universidade Aberta.

-Dias, P. A. L. (2011). Práticas de avaliação formativa na sala de aula : regulação e feedback. Universidade Aberta.

-Horta, M. J., Mendonça, F., Nascimento, R. (2012). Metas Curriculares. Tecnologias de Informação e Comunicação 7.º e 8.º ano.

-Oliveira, T. & Morgado, L. (2012). Aprendizagem Colaborativa Nos Fóruns Online - Estudo De Caso No Ensino Superior. Conferência Online de Informática Educacional.

-Silva, S. L. M. (2011). Itinerários de @prendizagem colaborativa-cooperativa em contexto online. Universidade Aberta.

Comentários