Plágio

Até ao momento não detetei qualquer situação de plágio, talvez por ainda ter pouca experiência em lecionar, ou talvez porque tenha tido sorte com os alunos/formandos que até ao momento tive. No entanto, creio que o plágio poderá ocorrer de duas formas: Voluntário ou Não Voluntário!

Voluntário: entendo que seja quando um determinado aluno/professor copia propositadamente um determinado texto, parágrafo sem qualuqer tipo de referência e/ou citação.

Involuntário: quando um aluno/professor depois de ter ouvido uma ou mais ideias, teorias, informação, assuma, não propositadadamente, que essa ideia é dele, mas na verdade não é. Isto claro pode dever-se, essencialmente, ao crescimento exponencial dos meios de comunicação e à Internet, que, direta ou indiretamente, "planta" diariamente ideias/conceitos/temas no nosso cérebro.

Portanto, acho um tema bastante interessante, mas, que sem margem para dúvidas, deverá ser debatido com cuidado e muita reflexão. O plágio existe e entendo, que apesar de existirem múltiplos softwares que o detetam, tem de se definir o que é o plágio e quais os limites do mesmo.

Comentários