AVALIAÇÃO DAS COMPETÊNCIAS DOCENTES PARA UTILIZAÇÃO DAS TECNOLOGIAS DIGITAIS DA COMUNICAÇÃO E INFORMAÇÃO

http://www.curriculosemfronteiras.org/vol12iss3articles/joly-silva-almeida.pdf

Neste artigo reflete-se sobre a versatilidade e desafios das Tecnologias Digitais da Informação e Comunicação (TDIC) na Educação, pois se, por um lado, estas ferramentas podem potencializar o trabalho do professor e dos estudantes, também lhes exige uma fluente competência digital. Pelo prisma da análise conceitual da literacia mediática, os autores constataram que não basta saber usar as tecnologias, sendo necessário desenvolver habilidades e competências para uma gestão crítica da informação disponível, compreensão, e uso criativo e responsável dos media para expressar e comunicar ideias. Analisando experiências e investigações sobre o uso da tecnologia educacional, particularmente no Brasil e em Portugal, consideram importante discutir o real aproveitamento destas novas ferramentas para o processo de ensino e de aprendizagem. É neste contexto que analisam algumas escalas do desempenho em TIC por estudantes e docentes, as quais apresentam características psicométricas que as colocam como instrumentos possíveis de serem utilizados para caracterizar o perfil docente frente as TDIC. A terminar, consideram que, face ao momento de mudança de paradigma societário, em que não é possível ignorar-se o potencial das TDIC — o que exige dos professores novas competências —, é a altura de reatualizar essas escalas de desempenho, processo que está em curso em outro projeto apoiado pelas agências CNPq (Brasil) e FCT (Portugal), a fim de caracterizar o perfil do docente universitário brasileiro e português quanto ao uso das TDIC, no quotidiano e no processo de ensino e aprendizagem.

Comentários