Recursos Didáticos e a motivação dos alunos em EAD

O processo de aprendizagem é algo que nem sempre é rápido e direto como se deseja. É sabido que o processo cognitivo possui vários níveis de maturidade até atingir a sua plenitude. Uma criança demora certo tempo para começar a pronunciar as primeiras palavras. Depois, com um maior domínio, passa a arriscar algumas frases feitas. Depois de muito treino, começa a criar sua própria estrutura, para então, criar seu próprio estilo. Essa maturidade, não acontece somente na infância, mas em todos os momentos onde novas informações passam a fazer parte do indivíduo e se transformam em competência. Essas fases ou dimensões do processo cognitivo vêm sendo cuidadosamente estudadas ao longo dos tempos, porém, foi a partir dos anos 40, depois de uma publicação no “Journal of Educational Research” escrita pelo estudioso Benjamin Bloom que as teorias sobre o processo cognitivo passaram a assumir o formato que conhecemos hoje.